quinta-feira, 7 de julho de 2016

DE TEMPOS EM TEMPOS

De tempos em tempos
O coração nos prega peças
Bate descompassado
Insiste em se apaixonar
Não existe hora exata
Nem momento perfeito
Ele simplesmente acelera
E deixa um brilho em nosso olhar
São olhares que se cruzam
E olhos que brilham
Almas que se encontram
E almas que se cruzam
Ninguém vive sem amor
E ninguém ficará para sempre só
Por isso o coração dispara
De tempos em tempos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário